Compartilhe
essa notícia
Vinhedo / 13/11/2013 11:02 - Atualizada em 15/11/2013 15:48
Greve de funcionários paralisa empresas em Vinhedo
Sindicato realizada manifestação na Rei Abrasivos e Alcar


Os trabalhadores da Rei Abrasivos e da Alcar Abrasivos, ambas em Vinhedo, entraram em greve nesta terça-feira, 12, por tempo indeterminado. De acordo com o sindicato, os trabalhadores buscam um reajuste em índice superior aos 7,5% oferecidos pelas empresas.



A Rei Abrasivos, localizada no Bairro Altos do Morumbi, com cerca de 80 funcionários, de acordo com sindicato, já aceitou adotar os sábados e domingos livres sem redução nos salários, e propôs 8% de aumento salarial, além de R$ 1.568,70 de participação nos lucros e resultados (PLR). No entanto, os trabalhadores reivindicam 9% de reajuste e PLR de R$ 1.900.00.



Já na Alcar, localizada no Bairro Nova Vinhedo, os cerca de 140 trabalhadores entraram em greve e reivindicam reajuste salarial de 10%, além da retirada de condicionantes para pagamento de PLR e cesta básica.



Em negociação com o sindicato, a empresa já propôs 8% de aumento, implantação de plano de cargos e salários em janeiro de 2014 e PLR de R$ 1.800,00 com um bônus de R$ 300,00 somente se o trabalhador não tiver ausências injustificadas e acumular, no máximo, 44 horas de atestado médico, excluindo os referentes a acidente de trabalho.



De acordo com o sindicato, os funcionários não aceitaram as condições da empresa e decidiram cruzar os braços por tempo indeterminado.


Comentar notícia

Nome
Email
Mensagem
Li e concordo com os termos de uso
Comentários
  • Nome:JV
    Comentário:Esses que mandariam todos embora ou aconselha sair da empresa são os mesmos que tomam bica do empregador mesmo quando são pelos. Fica a dica.
  • Nome:Junior
    Comentário:Não tá feliz? Muda de emprego! Só não fica enchendo o saco com greve!
  • Nome:profeta
    Comentário:Chegará um tempo em que todas as empresas terão máquinas no lugar de pessoas. Daí......?
  • Nome:Eder
    Comentário:ta certo,muitos patroes se aproveitam dos funcionarios e ficam acondicionando e descontando beneficios se houverem faltas,porem a clt e convençoes dizem que cb vt e etc sao obrigatorios e sem descontos.
  • Nome:Conrado
    Comentário:A vida dos patrões não anda fácil em Vinhedo. Que sirva de lição pra todos os outros: ou acorda pra vida e entende que o povo tá mais esperto ou vai levar prejuízo em cima de prejuízo.
  • Nome:Junior
    Comentário:Mandava todos embora...
Nome remetente
Email remetente
Nome destinatário
Email destinatário