Compartilhe
essa notícia
Cidades / 19/03/2015 17:06 - Atualizada em 19/03/2015 17:06
Geração Y é a mais endividada com relação a cheques no Sudeste


Uma pesquisa elaborada pela TeleCheque identificou  na região Sudeste, a geração Y foi responsável pelo maior endividamento em relação às demais faixas etárias em fevereiro.



As pessoas com idade entre 21 e 30 anos têm índice de inadimplência em cheque de 4,89%, 3,45 p.p superior à apresentada pelos baby boomers, pessoas com idade a partir de 50 anos (1,44%), e 2,03 p.p. acima da inadimplência média da região, que engloba todas as faixas etárias.



“O Sudeste concentra o maior porcentual de consumo do País – em 2014, só as populações dos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo foram responsáveis por 49,21% de tudo o que foi consumido no País. Nesse contexto, temos os jovens da geração Y, faixa etária mais propensa a buscar novidades tecnológicas e produtos e serviços de alto valor agregado, tais como automóveis, motos e viagens, além de cursos de aprimoramento profissional, segmentos nos quais o cheque é um dos meios de pagamento mais comumente utilizados. Assim, é normal que nessa região essa seja a faixa etária que mais faça uso do cheque e, consequentemente, apresente maior porcentual de endividamento”, disse Walter Alfieri, diretor de Crédito, Risco e Business Intelligence da MultiCrédito.



Ainda de acordo com a pesquisa, o valor médio da Região Sudeste para todas as faixas etárias foi de R$ 913.


Comentar notícia

Nome
Email
Mensagem
Li e concordo com os termos de uso
Comentários
Nome remetente
Email remetente
Nome destinatário
Email destinatário