Compartilhe
essa notícia
Vinhedo / 31/05/2017 15:26 - Atualizada em 09/06/2017 02:08
Parlamento da Região Metropolitana se reúne em Vinhedo
Encontro acontece no próximo dia 2, com vereadores das 20 Câmaras da RMC


A Câmara de Vinhedo sedia no próximo dia 2 de junho, a partir das 9h, a 3ª Reunião Ordinária do Parlamento Metropolitano de Campinas. O encontro, que acontece toda primeira sexta-feira de cada mês, irá debater o tema “Mobilidade Urbana/Acessibilidade”.



Sob o comando do presidente do Parlamento, o vereador Hélio Ribeiro, e recepção do presidente da Câmara de Vinhedo, Nil Ramos, os presidentes e vereadores presentes ao encontro assistirão à palestra “O Impacto Social e Econômico dos Acidentes de Trânsito para os Municípios”, proferida pelo diretor do Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), José Aurélio Ramalho.



 “A ideia é mostrar aos presidentes de Câmara desses 20 municípios, um mapa atualizado dos acidentes de trânsito ocorridos nesta região, o impacto que isso causa nos Municípios e propor ações conjuntas, com o claro objetivo de conscientizar para a urgente necessidade de adotar medidas que possam ajudar a diminuir esses índices, cada vez mais alarmantes”, afirma o presidente da Câmara de Indaiatuba e presidente do Parlamento, o vereador Hélio Alves Ribeiro.



Segundo Ramalho, a palestra irá fornecer dados sociais e econômicos dos acidentes, principais causas, dados estatísticos dos Municípios da RMC e falar sobre o programa “Município Laço Amarelo”, selo inovador voltado para o trânsito, concedido pela primeira vez no Brasil ao Município de Indaiatuba.



Abertura



A terceira reunião do Parlamento da RMC será aberta pela presidente do Centro Infantil Boldrini, Silvia Brandalise. A oncologista busca no Parlamento chamar a atenção para os casos de importação do medicamento Leuginase (Asparaginase), utilizado no tratamento da Leucemia Lindóide Aguda (LLA).



Até ano passado, esse medicamento era importado de laboratórios alemães e americanos. No início do ano, o Ministério da Saúde passou a importar a droga do Governo chinês. Segundo Brandalise, teste encomendado pelo Centro Boldrini (referência na América Latina no combate ao câncer infantil) apresentou resultados preocupantes para os pacientes. O laudo apontou que 40% do produto está contaminado por proteínas, o que, segundo especialistas, não garante a eficiência do remédio.



Trabalhos



Após a explanação da oncologista Silvia Brandalise e a palestra de Ramalho, a Mesa Diretora do Parlamento passará para a Ordem do Dia, Expediente e Palavra Livre.  Entre os assuntos abordados durante o encontro está a criação de um Regimento Interno do Parlamento e ações adotadas no último mês pela “Frente Parlamentar de Segurança Pública”, montada durante a última reunião, ocorrida em Americana.


Fotos da notícia
Parlamento Metropolitano se reúne em Vinhedo

Comentar notícia

Nome
Email
Mensagem
Li e concordo com os termos de uso
Nome remetente
Email remetente
Nome destinatário
Email destinatário