Compartilhe
essa notícia
Vinhedo / Política 04/07/2017 15:45 - Atualizada em 17/07/2017 14:45
Impasse para escolha dos membros da CPI continua
Nova reunião está prevista para amanhã


A Câmara Municipal de Vinhedo ainda não definiu quem serão os integrantes que irão compor a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instaurada no último mês para apurar as finanças públicas de Vinhedo.



O prazo para escolha dos membros se encerrou há três semanas e estava prevista uma reunião para a última terça-feira, 4, mas novamente não houve consenso entre os pares.   Conforme vinha adiantando o JV, o bloco parlamentar composto pelos vereadores oposicionistas não foi aceito pela presidência da Câmara.



Com isso, apenas o PDT e o PMDB, partidos de maior número de cadeiras, têm assento garantido na comissão. As outras três vagas devem ser preenchidas por meio de votação entre as lideranças e, com isso, a previsão é que a maior parte dos integrantes seja da base governista.



De acordo com informações preliminares, a CPi deverá ser constituída pelos vereadores Edu Gelmi (PMDB), Edson Pc (PDT), Paulinho Palmeira (PV), Marcos Ferraz (PSD) e Márcio Melle (PMN).



O pedido de abertura da CPI foi feito pelo vereador Edu Gelmi (PMDB) em 29 de maio para apurar o descontrole nas contas públicas municipais. Segundo a justificativa do vereador na época, além de não pagar o INSS e FGTS dos servidores municipais e possuir uma dívida de mais de R$ 109 milhões, a administração teria omitido a dívida atual da Santa Casa de Vinhedo que já ultrapassa R$ 3 milhões.


Fotos da notícia
Prazo para escolha dos membros se encerrou há três semanas
Rafa Von Zuben

Comentar notícia

Nome
Email
Mensagem
Li e concordo com os termos de uso
Comentários
  • Nome:Sandro
    Comentário:a populaçao ta sentindo esse descontrole de contas nao estamos vendo nada de benfeitorias na cidade desde a saida do Milton. Cade o dinheiro pra onde ta indo
Nome remetente
Email remetente
Nome destinatário
Email destinatário