Compartilhe
essa notícia
Vinhedo / Saúde 03/04/2018 17:52 - Atualizada em 06/04/2018 13:51
Vinhedo tem primeira morte confirmada por Febre Amarela
Morador da Vila João XXIII contraiu a doença em Valinhos


Na última quinta-feira, 29, a Prefeitura de Vinhedo confirmou a primeira morte na cidade ocasionada por febre amarela. O resultado foi confirmado pelo Instituto Adolfo Lutz e agora a cidade possui mais dois casos aguardando resultados dentre as quatro notificações recebidas desde o início do ano.



Segundo a administração municipal, a vítima morreu no mês de março no Hospital da Unicamp, após sintomas da doença. É um caso importado, ou seja, não contraído no município. O morador que contraiu a doença, de 62 anos de idade, não havia tomado a vacina da febre amarela.  



De acordo com a Secretaria de Saúde, assim que foi detectado este caso suspeito, a equipe de Vigilância fez uma varredura na região, chamada Busca Ativa, entre os dias 20 e 23 de Março e, no próximo dia 7 de abril, vai intensificar esta ação.



 Em 2017, a Prefeitura de Vinhedo vacinou 41.026 pessoas, dentro de uma grande campanha não somente nas UBSs, mas também nas áreas rurais da cidade. Em 2018, foram imunizados mais 7.721 cidadãos.



Considerando as vacinações desde o ano 2000, já foram realizadas em Vinhedo 90.609 imunizações, número bem superior à população atual da cidade, de aproximadamente 75 mil habitantes.



A vacinação ocorre na UBS Planalto, Policlínica da Capela, UBS Von Zuben, UBS Vila João XXIII, UBS Três Irmãos, UBS Casa Verde e Centro Médico São Matheus, das 9h às 16h, de segunda a sexta-feira. Todos os locais têm a vacina disponível. É importante que se tenha a carteirinha de vacinação em mãos. A febre amarela é transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti, o mesmo transmissor da dengue.



 


Comentar notícia

Nome
Email
Mensagem
Li e concordo com os termos de uso
Comentários
Nome remetente
Email remetente
Nome destinatário
Email destinatário