Compartilhe
essa notícia
Cidades / 22/08/2018 11:24 - Atualizada em 22/08/2018 11:24
Cresce preocupação com tarifa de eletricidade
Principal fator apontado pelos consumidores é o preço, com 67% das menções


Uma pesquisa do Ibope realizada este ano pedido da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) mostrou que 83% dos brasileiros consideram as tarifas de energia caras ou muito caras.



O levantamento também revela que que 69% dos brasileiros querem a portabilidade da conta de luz, do mesmo modo como ocorre no setor de telefonia. Se pudessem escolher, 61% dos consumidores migrariam imediatamente as suas contas para outras empresas.



O principal fator apontado pelos consumidores é o preço, com 67% das menções. Em segundo lugar, com 17% das respostas, surge a questão da qualidade do serviço e, em terceiro lugar, com 12%, aparece o desejo de utilizar fontes limpas, tais como energia eólica e solar.  



Atualmente, apenas grandes indústrias e comércios podem optar pelo mercado livre de energia, que, juntas, obtiveram uma redução média de 23% nas contas de luz nos últimos 15 anos. A atual regulamentação prevê que somente empresas com consumo acima de 500 kW são elegíveis, um universo limitado a cerca de 15 mil negócios no Brasil.



“A pesquisa do Ibope mostra claramente que os cidadãos querem ter direito aos mesmos benefícios das grandes empresas”, explica Reginaldo Medeiros, presidente da Abraceel.


Comentar notícia

Nome
Email
Mensagem
Li e concordo com os termos de uso
Nome remetente
Email remetente
Nome destinatário
Email destinatário