Compartilhe
essa notícia
Vinhedo / 08/04/2013 17:17 - Atualizada em 10/04/2013 13:40
Prefeitura protocola abertura de negociação salarial com os servidores


A Prefeitura protocolou nesta segunda-feira, 8, o pedido de discussão do reajuste salarial dos servidores públicos de Vinhedo. O protocolo ocorre às 12h30 na sede do sindicato da categoria.



De acordo com o sindicato, o memorando da secretaria de Administração pede uma primeira discussão sobre o reajuste salarial dos servidores nesta quarta-feira, 10.



Na semana passada, o sindicato dos servidores realizou um protesto durante a sessão ordinária na Câmara dos Vereadores com o objetivo de chamar a atenção da população e dos vereadores, bem como pedir apoio do Legislativo para que o Executivo inicie as tratativas de negociação com a categoria. A pauta de reivindicações foi protocolada na Prefeitura, Câmara e Sanebavi no dia 1° de março. Também segundo o Sindicato, um pedido de contato foi reforçado no último dia 19. A data base da categoria é em 1° de maio.



As reivindicações foram definidas em assembleia, dia 28 de fevereiro, no auditório dos Químicos Unificados, quando estiveram presentes cerca de 70 servidores municipais. Entre os pedidos da categoria estão reajuste de 15% no salário, aumento do tíquete alimentação de R$ 368,00 para R$ 450,00, além de vale-refeição diário no valor de R$ 15,00 para todos os servidores públicos vinhedenses. O piso salarial da categoria é de R$ 983,00.



Os servidores pedem também outros itens, como o não atrelamento do 14° salário a faltas de trabalho, já que este benefício substituiu o antigo prêmio por assiduidade e é pago àqueles que não faltam mais de 12 vezes, ainda que justificadas, por ano; bem como o retorno do prêmio de assiduidade de 5% sobre o salário mensalmente.


Fotos da notícia
Protesto do sindicato dos servidores na Câmara
rafa von zuben

Comentar notícia

Nome
Email
Mensagem
Li e concordo com os termos de uso
Comentários
  • Nome:Felipe
    Comentário:O tíquete alimentação é de R$ 366,00 e não R$ 368,00
  • Nome:Augusto Barbosa
    Comentário:Daniel, o problema é justamente definir o que é "compatível com o mercado". Seria esse compatível o valor médio do Brasil? do Estado de SP? Da RMC? A realidade de Vinhedo, para o bem ou para o mal, é muito diferente da maioria da grande maioria dos municípios do Brasil, e se por isso pode-se exigir um servidor (professor, médico, contador, auxiliar de serviços gerais...etc) melhor qualificado aqui na cidade, deve-se também pagá-lo muito bem, mesmo porque a arrecadação de impostos da cidade é enorme. Eu não me canso de discutir e tentar fazer o pessoal daqui entender que não temos que estar "na média" do mercado coisa nenhuma, mesmo porque não é a realidade. Com o $ que essa cidade tem, temos que estar acima, e muito mesmo, de qualquer média (seja de qualidade dos serviços, ou salarial) da
  • Nome:Daniel
    Comentário:Deviam era abolir o 14 salario. Assiduidade é obrigação e não motivo para prêmio. Sou a favor de aumentarem os salarios para um padrão compativel com o mercado, mas a simples idéia de dar um prêmio por fazer seu trabalho é absurda.
Nome remetente
Email remetente
Nome destinatário
Email destinatário